Wednesday

METEMPSICOSE

Autora: Ísis Lopes Zisels


Meu amor vem das Moiras,
Deusas crônicas;
Das fibras sintônicas, 
Dos tecidos febris

Vapores de peles, 
Anatólias hedônicas,
Olorosas hastes
E semblantes de atriz

Sou Hera, Deméter,
Perséfone, Pandora:
No fluxo cardíaco 
Do agora

Ventre de fêmea, 
Esfinge no dorso;
Retorno ao seio faustoso

E tu, Orpheu,
Deleitável esposo,
Em meu Hades
Desvelas teu gozo!


*Dedicado ao meu amor, Rodrigo Tafuri.
http://quempodepercorrerestaslinhas.blogspot.com.br/